segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

Marrowbone


O Fantasporto 2018 abriu com Marrowbone, filme de Sergio G. Sánchez - que finalmente parece ter tido oportunidade para ocupar o lugar na cadeira de realizador que até agora tinha cedido a J.A. Bayona (escreveu The Impossible e The Orphanage, ambos realizados por Bayona).

Com algumas caras conhecidas (e outras que certamente irão passar a sê-lo no futuro) este filme acompanha uma estranha família que se tenta manter afastada da comunidade e que foge de algo; e quando a mãe morre, os irmãos (e irmã) têm que tentar manter as aparências para se aguentarem até que o mais velho faça 21 anos e possa tornar-se oficialmente o seu guardião.

Ao longo do filme a história vai adoptando diferentes nuances: filme de perseguição, filme de fantasmas, filme de monstros... mas com um toque de fantasia e inocência que quase o poderia fazer passar por um conto de fadas (dos assustadores, ao estilo dos contos originais dos irmãos Grimm). Para muitos, a suspeita sobre o que se passa poderá surgir relativamente cedo, sendo que depois resta apenas esperar pela confirmação de tudo no final.

Um bom filme para abrir o Fantas, e esperemos que permita a Sergio G. Sánchez continuar a trazer-nos as suas histórias..


Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails