sábado, 30 de janeiro de 2021

Netflix adopta codec xHE-AAC para som mais eficiente

Ver Netflix com uma ligação à internet com largura de banda reduzida vai soar melhor, com a adopção do novo codec áudio xHE-AAC que começará por ser implementado na app Android.

Esta variante mais eficiente Extended HE-AAC (xHE-AAC) tem diversas vantagens face aos codecs anteriores, a começar pela sua incrível capacidade de produzir som com qualidade perceptível equivalente com bitrates bastante mais reduzidos. Enquanto outros codecs precisam de 32 kbit/s ou 64 kbit/s para terem uma qualidade sonora considerada boa, este HE-AAC consegue aproximar-se disso com apenas 16 kbit/s, e até dá som considerado razoável com apenas 8 kbit/s.
As vantagens em termos de poupança de megabytes são imediatas, mas este xHE-AAC conta ainda com vantagens adicionais. Este codec suporta a criação de diferentes perfis com informação sobre a gama dinâmica e volume em função do tipo de equipamento usado (headphones, colunas do smartphones, sistema surround 5.1 em casa) resultando numa experiência bastante mais apelativa, que permite dispensar o recurso aos headphones quando se tenta ver um episódio de uma série no smartphone, já que o som estará optimizado para continuar a ter os diálogos audíveis.

Por agora a Netflix passou a utilizar o xHE-AAC na sua app Android (para equipamentos com Android 9.0 ou mais recente), mas considerando que este codec já é suportado em todas as principais plataformas, como iOS, macOS e Windows, é de esperar que não demore muito para que isso seja expandido a todas as versões da app.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails