quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

Dirty Money


Ninguém tem dúvidas quanto ao dinheiro ser responsável por "manter o mundo a girar"; mas é assustador ser confrontado com as formas como muito desse dinheiro é conseguido. É isso mesmo que aborda a série de documentários Dirty Money, disponível na Netflix.

Do escândalo dos fabricantes automóveis a esconder as emissões durante anos (e que não se limita à VW) para vender automóveis sabendo que estavam a poluir mais do que o permitido (e que continuam a fazê-lo!); dos esquemas de empréstimos fraudulentos que se aproveitam das franjas mais vulneráveis da população; dos mega-bancos internacionais que se dão ao luxo de violarem todas as leis ao aceitarem dinheiro oriundo da droga e financiarem organizações terroristas, e que também continuam a fazê-lo, sem que ninguém seja preso e pagando apenas uma modesta multa que "nem dói"; às empresas de medicamentos que decidem subir os preços 10000%... e muitos outros casos que nos deixam literalmente de queixo caído - não só por existirem pessoas capazes de fazer tudo isto, como haverem outras que permitem que muitas destas coisas continuem a acontecer, em maior ou menor grau, de forma mais disfarçada ou descaradamente à vista de todos. E, para melhorar (ou piorar?) a série termina em grande com um episódio dedicado a Donald Trump...

... Revelador... e inspirador para que se tomem algumas pequenas decisões que, pouco a pouco, talvez possam contribuir para que as coisas mudem, quando houver número suficiente de pessoas a fazer o mesmo.


Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails