terça-feira, 29 de agosto de 2017

Death Note


Já está disponível no Netflix um dos filmes mais aguardados do ano. Em Death Note, um adolescente recebe um livro - literalmente caído do céu - que lhe dá o poder de matar qualquer pessoa, bastando pensar no seu rosto e escrever o seu nome no livro.

Ora bem... se por um lado era um dos filmes mais aguardados, por outro lado era também um dos mais receados, pois a origem do mesmo é um manga de enorme sucesso, e que já deu origem a vários filmes e também uma série anime (também disponível no Netflix cá em Portugal). Por isso mesmo, há duas formas de ver este Death Note que melhor deverá ser visto como um filme "inspirado" nessa mesma história, mas que não segue exactamente o original - e isto deixando de lado as habituais críticas de se ter transferido a acção para o ocidente e se ter optado por protagonistas ocidentais em vez de orientais.

Para quem nunca tiver visto nada do Death Note, o filme acaba por ser bastante simpático dentro do seu género, embora manifestamente demonstrando que o tempo do filme é insuficiente para abordar tudo aquilo que se gostaria de ver explorado. Para quem já tiver visto a série anime, irá ter maiores dificuldades em fazê-lo, pois ficam de fora muitos dos elementos que se podem considerar a "essência" de toda a história, a nível do relacionamento do protagonista com o "demónio da morte" e também com a do seu opositor, o misterioso super-detective L.

Por isso mesmo, aconselho que vejam o filme - que alguns já dizem ser apenas a preparação para um segundo filme a dar-lhe continuidade - e de seguida espreitem a série anime, que servirá de complemento para quem achar que o filme é demasiado superficial...

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails