quarta-feira, 5 de abril de 2017

13 Reasons Why


A Netflix trouxe-nos mais uma excelente série para os ecrãs, e que desta vez parece até ter superado o próprio livro que lhe deu origem. Em 13 Reasons Why acompanhamos a história de Hannah Baker (Katherine Langford), uma rapariga de 17 que se suicidou, mas que antes de o fazer gravou um conjunto de cassetes onde explica os 13 motivos que levaram ao seu suicídio e que deverão ser ouvidas pelas 13 pessoas que ela considera culpadas disso.

Na sua maior parte, a série será uma excelente viagem até ao passado e aos tempos da escola, onde - mesmo com todas as diferenças entre as coisas nos EUA e deste lado do Atlântico - todos terão passado por aqueles problemas que na altura pareciam ser "tremendos". Mas aqui, lembra-nos que de facto há problemas que realmente não podem ser descartados ou meramente esquecidos, e para isso temos um conjunto de 13 pessoas que servem um pouco como amostra para diferentes estereótipos: a amiga popular, o aluno que é a vedeta da equipa desportiva, o "chefe de turma" com aspirações, o menino rico que pensa que pode fazer tudo, etc. etc.

Ao longo dos 13 episódios a aventura vai-se desenrolando, dando-nos respostas mas também novas perguntas que nos fazem querer acelerar pelos episódios seguintes. O único ponto contra desta série (mini-spoiler: ahead!) é que a série termina sem nos dar realmente a conclusão que se esperaria ter, e que mais parece ser uma autêntica armadilha para justificar uma season 2; mas, mesmo assim é recomendada.


Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails