quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Captive

Baseado em factos verídicos, Captive conta-nos uma história sobre uma mãe viciada em droga e que não parece ser capaz de abandonar o vício, cujo destino entra em rota de colisão com um criminoso em fuga que a vai manter como refém em sua própria casa.

Confesso que a única coisa que me levou a espreitar este filme foi o facto de ser protagonizado pela Kate Mara, mas infelizmente nem isso foi suficiente para o tornar interessante. Enquanto "filme", podemos dizer que todos estão bem, incluindo as interpretações dos protagonistas. O problema tem mesmo a ver com toda a sua base de sustentação, e de suposta lição de vida. Passei o filme todo a pensar "sim... mas onde é que querem chegar com tudo isto?" e é um bocado triste que essa resposta só seja dada nos créditos finais, quando se comprova que todo o filme não passa de uma publicidade (pouco) disfarçada a um livro motivacional/inspirador/ou lá como o quiserem chamar.

É pena... pois deixou-me o sentimento de que tinha sido enganado e perdido 90 minutos da minha vida com um "treta" que visa salientar a ajuda de "Deus" para salvar uma vida, fechando os olhos a que, momentos antes, essa mesmo pessoa tinha morto 3 ou 4 pessoas. Mas pronto, essas não ficaram vivas para ter direito a publicitar um livro com um filme... ficam fora de cena. :P


Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails