segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Mr. Holmes

Quando se pensa que já tudo foi dito e inventado sobre Sherlock Holmes, eis que nos chega este fantástico Mr. Holmes a demonstrar o contrário.

Este Mr. Holmes até é capaz de nos fazer esquecer que o seu realizador, Bill Condon, realizou os The Twilight Saga: Breaking Dawn, e aproxima-se do trabalho que fez em Gods and Monsters - curiosamente, também com Ian McKellen como protagonista.

Em Mr. Holmes, o nosso detective super-dotado tem que enfrentar o seu maior inimigo, e um contra o qual nada pode fazer: a idade. Em vez de um jovem detective capaz de partir em todas as aventuras, aqui encontramos um Sherlock idoso e debilitado, tanto fisicamente como - para seu terror - mentalmente. A sua memória vai desaparecendo a um ritmo cada vez maior, e a missão de repor a verdade dos acontecimentos do seu último caso vai-se tornando cada vez mais difícil.

Chega a ser um pouco angustiante ver os efeitos da velhice num personagem tão nosso conhecido, em grande parte devido à fantástica interpretação de Ian McKellen. Mas a moral da história será que a história de cada um será melhor vivida aproveitando-se cada dia que por cá andamos... independentemente de quantos nos restarem.


Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails