sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Despicable Me 2

O mais popular "mal-disposto" da história do cinema está de volta, e em Despicable Me 2, Gru volta a cativar as audiências com a sua forma de estar bem peculiar. A realização volta a estar a cargo da dupla Pierre Coffin e Chris Renaud, com o argumento a recorrer novamente à dupla Cinco Paul e Ken Daurio.

Gru está agora mais "caseiro", tendo abandonado as suas lides de super-vilão para dar um uso mais benéfico ao seu exército de "minions". No entanto, há outros super-vilões em acção, e Gru vai ser recrutado para usar o seu conhecimento na área e ajudar a identificar uma nova ameaça que pretende dominar o mundo.

Pode dizer-se que o filme cumpre com que seria de esperar de uma sequela, mas acaba por não explorar "a fundo" aquilo que se gostaria de ver... ou seja, a dualidade latente de Gru, que aqui acaba por se resumir a pouco mais que um "inconsciente apaixonado". Quem está sempre em grande são os "minions"... e por mim, no próximo filme poderia passar-se o Gru para personagem secundário, e deixar o protagonismo a cargo destes pequenitos amarelos! :)

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails