terça-feira, 1 de outubro de 2013

Dailies

The Blacklist


Temos uma nova série em estreia: The Blacklist. Uma série que nos traz James Spader (ele tem entrado em várias séries, mas nenhuma que eu acompanhe regularmente) no papel de um ex-agente governamental que é um dos homens mais procurados do planeta, e que misteriosamente se entrega às autoridades para as ajudar a apanhar um terrorista.

A mecânica é em tudo idêntica à do nosso conhecido "Hannibal", em que temos uma personagem super-inteligente e que parece saber tudo e ter tudo sob controlo, mas que apenas aceita falar com uma jovem agente - por motivos que ainda não se sabem.

O primeiro episódio está bastante engraçado, e levanta várias questões que darão muito para explorar nos próximos episódio.


Hostages


Outra série que começou agora e que me deixou curioso: Hostages. Com Dylan McDermott e Toni Collete, é uma série onde um agente de elite do FBI invade a casa de uma doutora que vai operar o presidente dos EUA e toma a sua família como refém para que ela assassine o presidente. Não estou a ver muito bem como é que esta situação se poderá sustentar para manter uma série completa... mas por isso mesmo é que estou cheio de vontade de ver o segundo episódio.


Séries de Regresso

De regresso estão também muitas outras séries já nossas conhecidas. The Mentalist está de volta e a caça ao Red John parece estar mais perigosa que nunca. Castle já regressou na semana passada mas continua a estar ao mesmo nível de sempre (e a recorrer à boa velha táctica de cliffhanger com Castle com poucas horas de vida). Criminal Minds começa com um episódio pouco inspirado ("mais do mesmo") com a única variante a surgir nos segundos finais (embora, mesmo assim, me pareça que já não consiga livrar-se do "cansaço" de que parece sofrer). Revolution retoma a acção alguns meses após o final da season anterior, com novas facções a tomarem posição para dar continuidade à "falta de paz e sossego". E... penso que por agora é tudo (ou pelo menos, são as que me lembro por agora).


Breaking Bad chegou ao fim com recorde de espectadores


Uma das séries mais mediáticas dos últimos anos chegou ao fim. Breaking Bad despediu-se definitivamente dos espectadores (a não ser que avancem com o falado spin-off) e teve uma audiência de 10.3 milhões de espectadores, à qual se juntaram mais de 500 mil pessoas que fizeram o download do episódio em sites de partilha.

Não é o recorde absoluto, pois tivemos os Sopranos com 11.9 milhões, e o Lost com 13.5 milhões, mas mesmo assim é um valor que demonstra bem o valor da série - que, dizem-me, terminou em grande (ao contrário do Dexter... grrrr... que já agora, se ficou pelo 6.1 milhões de espectadores no episódio final).

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails