terça-feira, 30 de abril de 2019

Avengers: Endgame


Finalmente, cá está ele - Avengers: Endgame - o filme que encerra este ciclo de aventuras do universo Marvel (embora tecnicamente o próximo filme do Homem Aranha ainda faça parte deste ciclo) e que vai mostrar aos fãs como é que os nossos heróis tentarão resolver o apocalipse desencadeado por Thanos.

Não será preciso relembrar que este era um dos filmes mais aguardados de sempre, já que os números falam por si: o Endgame bateu todos os recordes da história dos cinemas portugueses, tanto para o dia de estreia como para o primeiro fim-de-semana.

Com mais de 3 horas de filme (3h01 para ser exacto), começo por saudar a opção dos irmãos Anthony Russo e Joe Russo de não terem partido este filme em dois, assim permitindo que, gostando-se ou não, este seja mesmo o filme que trata do desfecho da situação de uma só vez. Infelizmente, também devido à sua extensão, que nos leva por diferentes fases, o filme acaba por diluir algumas das suas cenas épicas. Por exemplo, a cena da batalha em Wakanda em Infinity War acaba por melhor merecer o estatuto "épico" do que as batalhas em Endgame - e não se pode dizer que a presença da Captain Marvel esteja realmente bem integrada (mas pronto, isso seria outro assunto).

Sem entrar em spoilers não há muito mais que se possa dizer, a não ser que o filme cumpre com o esperado em termos de dar aos fãs a conclusão para este ciclo da Marvel, não faltando muitas cenas de "puxar à lágrima", e que terminam com um novo ponto de partida para os filmes que se seguirão. Pontos extra para os muito easter eggs ao longo do filme, que fazem com que merece ser revisitado quando chegar às plataformas de streaming.


Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails