quarta-feira, 22 de abril de 2015

Everly

Joe Lynch é um realizador praticamente desconhecido do público "normal", bastando dizer que nos trouxe filmes como Wrong Turn 2 e Knights of Badassdom; mas provavelmente passará a ser mais conhecido graças e este Everly - nem que seja apenas pelo facto de nos dar uma Salma Hayek com fartura (e por vezes com pouca roupa).

Se querem ver um filme sério, então parem já por aqui e procurem outra coisa. Por outro lado, se não se importam de ver filmes onde a história se torna irrelevante e o que querem ver é algo ao estilo de um videojogo onde o nosso herói (heroína neste caso) tem que enfrentar vaga após vaga de inimigos diferenciados... estão no local certo.

Quando a sua cabeça é posta a prémio pelo seu "patrão", Everly (Salma Hayek) vai ter que enfrentar um conjunto de inimigos (e ex-amigas) que a vão tentar matar para ficar com a recompensa. Tudo isto passado sempre no apartamento (e no corredor, por vezes), que se torna no seu refúgio... mas que se arrisca a tornar-se também no seu túmulo.

É um filme que parece saído de uma banda desenhada japonesa, onde não temos a violência censurada que num filme "de Hollywood" obrigaria a ter metade do filme censurado para poder ser visto por "maiores de 12 anos". E, não sendo um filme candidato aos Oscars... é mais uma oportunidade para se ver Salma Hayek a "partir tudo" - e de como, a caminho dos 50 anos(!) continua perfeitamente em forma. :)


Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails